A Natureza de Paraty

O Município de Paraty foi abençoado pela natureza com as montanhas da Serra do Mar e uma baía calma com várias ilhas e praias tanto abrigadas quanto as de mar aberto. A Mata Atlântica que cobre a Serra do Mar, reconhecida como reserva da Biosfera pela UNESCO , abriga além de centenas de espécies da fauna e da flora brasileiras, trilhas antigas ,cachoeiras ,fazendas e ruínas centenárias.

A Baia de Paraty possui centenas de praias e ilhas de extrema beleza, enseadas e recantos em que a Mata se debruça sobre o mar em perfeita harmonia e beleza.

Breve história de Paraty

Paraty surgiu, provavelmente, em meados de 1500. O povoado originou-se no morro chamado “do Forte” e depois, aproximadamente em 1640, transferiu-se para onde está o Centro Histórico. Desenvolveu-se, nos séculos XVII e XVIII, em função do caminho marítimo-terrestre que ligava o Rio de Janeiro, a São Paulo e Minas Gerais. Naquele tempo, foi intenso o movimento do seu porto, que chegou a ser o 2º mais importante do Brasil. Em 1945 foi considerada Patrimônio Histórico e Artístico Estadual e, em 1948, tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Em 1966, foi convertida em Monumento Histórico Nacional. Em 1980, Paraty recebe um novo desenvolvimento e começa o “ciclo” do Turismo, resultante de uma vocação baseada no conjunto arquitetônico do Centro Histórico, na baía com suas 65 ilhas e mais de 300 praias e pela vegetação da Mata Atlântica que emoldura toda a região da cidade de Paraty.